Reconhecimento da Natureza Agrícola



O reconhecimento da natureza agrícola de cooperativas permite aceder a diversos apoios concedidos pelo Estado.

As Cooperativas que pretendam beneficiar destes apoios para além da credencial emitida anualmente pela CASES – Cooperativa António Sérgio para a Economia Social (www.cases.pt) comprovativa da sua conformidade com o Código Cooperativo (Lei nº51/96, de 7 de setembro), devem submeterem-se também à verificação pelo Ministério da Agricultura do Mar a sua conformidade com a legislação que estabelece os termo de aplicação do Código ao ramo agrícola (Decreto-Lei nº335/99, de 20 de agosto, alterado pelo DL nº23/2001, de 30 de janeiro.

A DRAP Alentejo colabora com a Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural (DGADR) na operacionalização do processo de reconhecimento através da análise de todos os elementos referentes ao ato de constituição e de alteração dos estatutos da Cooperativa. A DGADR é a entidade responsável pela emissão do Certificado de Natureza Agrícola.

Assim, as Cooperativas que pretendam ver reconhecidas as suas valências no ramo agrícola devem preencher os formulários eletrónicos disponíveis no sítio da DGADR, que depois de impressos devem ser enviados por correio, conjuntamente com o documentos solicitados a anexar ao processo, para a DRAP Alentejo.

Para aceder à informação sobre a organização do processo e respetivos formulários clique em http://www.dgadr.mamaot.pt

 

Sociedades de Agricultura de Grupo

 

As Sociedades de Agricultura de Grupo dispõem de uma natureza e características específicas, estatuída por legislação especial, que define os princípios essenciais que regem a sua constituição e funcionamento interno, que por essa razão também lhes permite beneficiar de apoios específicos concedidos pelo Estado.

O acesso a esses apoios específicos depende da verificação pelo Ministério da Agricultura e do Mar da sua conformidade com os princípios essenciais definidos no estatuto jurídico das Sociedades de Agricultura de Grupo, aprovado pelo Decreto-Lei nº 336/89 de 4 de Outubro, e da consequente emissão do Alvará de Reconhecimento como Sociedade de Agricultura de Grupo.

A DRAP Alentejo colabora com a Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural (DGADR) na operacionalização do processo de reconhecimento como Sociedade Agricultura de Grupo da Sociedade através da análise de todos os elementos referentes ao ato de constituição e à sua composição e estrutura. A DGADR é a entidade responsável pela emissão do Alvará de Reconhecimento.

Assim, as Sociedade Agrícolas que pretendam ser reconhecidas como Sociedade Agricultura de Grupo (SAG), deverão, aquando da sua constituição preencher os formulários eletrónicos disponíveis no site DGADR os quais devem ser impressos e enviados por correio, conjuntamente com os documentos solicitados a anexar ao processo, para a DRAP Alentejo.

Para aceder à informação sobre a organização do processo e respetivos formulários clique em http://www.dgadr.mamaot.pt

Nome

NIPC

Concelho

Ano de Fundação

Distrito

Portalegre

SAG - São Braz e São Lourenço, Lda.

502 096 519

Elvas

1985

SAG - Salcor, Lda.

501 971 696

Elvas

1988

SAG de Pena Clara, Lda.

503 346 349

Elvas

1995

SAG da Silveira, Lda.

502 110 830

Elvas

1988

SAG - Herdade Apóstolos Outras, Lda.

502 992 115

Elvas

1993

SAG - Herdade Fonte Paredes, Lda.

504 905 104

Elvas

2000

Distrito

Évora

SAG - Herdade Pocinho, Lda.

502 731 702

Évora

1992

SAG - Herdade Flor da Rosa, Lda.

503 298 760

Évora

1994

SAG - Freixo e Álamo, Lda.

504 123 491

Évora

1997

SAG - Agropecuária da Palheireira, Lda.

503 582 310

Évora

1996

SAG - Infanta, Lda.

503 773 638

Montemor-o-Novo

1990

SAG - Miguel Louro, Lda.

508 108 306

Estremoz

2007

SAG - Herdade da Chouriça e Anexas, Lda.

503 893 560

Estremoz

1997

SAG - Agropecuária da Carneira

502 877 413

Estremoz

1995

SAG - Agropecuária de Grupo Irmãos Félix, Lda.

502 496 274

Redondo

1990

SAG - Herdade da Preguiça, Lda.

504 932 101

Redondo

2006

SAG - Cartaxo e Irmão, Lda.

501 919 317

Reguengos de Monsaraz

2000

SAG - Agropecuária Caeiro e Filhos, Lda.

502 604 336

Alandroal

1992

Distrito

Beja

SAG - Nídia Madeira e Filhos, Lda.

503 326 836

Castro Verde

1994

SAG - Irmãos Arsénio, Lda.

502 909 463

Vidigueira

1993

SAG - Minhota e Anexas, Lda.

503 280 020

Aljustrel

1994

SAG -Agro Vale Longo, Lda.

503 915 289

Aljustrel

1997

SAG -Vale de Enchares, Lda.

502 890 550

Ourique

1992

SAG - Monte dos Currais, Lda.

501 898 565

Ourique

1987

SAG - David, Lda.

501 903 739

Ourique

1989

SAG - Félix Nobre, Lda.

502 532 734

Ourique

1990

SAG -Monte Novo e Anexas, Lda.

503 803 235

Aljustrel

1988

SAG -Monte Novo da Condença, Lda.

502 410 795

Castro Verde

1991

SAG - Herd. Reis Dias, Lda.

502 003 731

Castro Verde

1988

SAG - Herd. Barrigoa, Lda.

503 137 588

Castro Verde

1993

SAG - Areias de Trigaches, Lda.

502 096 837

Beja

1988

SAG - Cruz da Cigana, Lda.

502 021 675

Serpa

1988

SAG -Irmãos Pedrosa, Lda.

502 338 989

Alvito

1990

Distrito

Setúbal

SAG - Gabriel Sabino e Filhos

504 096 206

Alcácer do Sal

1998

SAG - Herdade das Moitas, Lda.

502 489 677

Santiago do Cacém

1991

SAG - Agropecuária da Ameijoafa , Lda.

503 581 216

Santiago do Cacém

1994

SAG - Frutícola do Brejo das Bicas, Lda.

501 385 975

Grândola

1983

SAG - Irmãos Mendes, Lda.

504 754 580

Alcácer do Sal

1999

SAG -Fledopec, Lda.

504 853 163

Alcácer do Sal

2000

 

 

Cooperativas Agricolas em actividade

 

Na área da DRAP Alentejo encontram-se as seguintes Cooperativas Agrícolas em atividade

 

 

Denominação Social

NIPC

Concelho

Ano de fundação

Portalegre

Adega Cooperativa de Portalegre, C.R.L.

500 948 631

Portalegre

1955

Alvislagar - Olivicultores C.R.L.

503 258 156

Gavião

1994

CAPSOR - Cooperativa Agrícola do Concelho de Ponte Sor, C.R.L.

501 057 366

Ponte Sôr

1977

 

CAVASAM - Cooperativa Agrícola de Monforte, C.R.L.

501 412 620

Monforte

1978

 

Cooperativa Agrícola 29 de Julho

500 664 900

Avis

2000

 

Cooperativa Agrícola da Herdade S. Rafael, C.R.L.

504 345 524

Elvas

1999

 

Cooperativa Agrícola de Avis, C.R.L.

500 075 093

Avis

1965

 

Cooperativa Agrícola de Ervedal Figueira e Barros, C.R.L.

500 075 247

Avis

1969

 

Cooperativa Agrícola de Olivicultores de Casa Branca

500 638 250

Sousel

1976

 

Cooperativa Agrícola de Olivicultores de Sousel, C.R.L.

500 638 268

Sousel

1977

 

Cooperativa Agrícola de Olivicultores do Cano, C.R.L.

501 091 068

Sousel

2000

 

Cooperativa Agrícola de Produção Alentejo Livre, C.R.L.

502 144 497

Campo Maior

1989

 

Cooperativa Agrícola de Produção Barro Negro, C.R.L.

501 317 295

Sousel

1982

 

Cooperativa Agrícola e Florestal do Porto da Espada

501 556 826

Marvão

1956

 

Cooperativa Agrícola Tolosense Vontade de Todos C.R.L.

500 896 720

Nisa

1979

 

Cooperativa Agropecuária do Almadafe

502 213 060

Sousel

1989

 

Cooperativa de Olivicultores Lagar Novo, C.R.L.

503 936 600

Gavião

1997

 

COOPLAGAR - Cooperativa Lagar de Azeite de Domingos da Vinha, C.R.L.

503 582 620

Gavião

1995

 

COOPOR - Cooperativa Agrícola do Concelho de Portalegre, C.R.L.

500 877 459

Portalegre

1978

 

COPSEL - Cooperativa Agrícola do Concelho de Sousel

500 638 225

Sousel

1980

 

MONFORQUEIJO - Produtores de Queijo de Ovelha e Cabra de Monforte, C.R.L.

502 206 497

Monforte

1992

 

Olidal - Olivicultores do Alentejo, C.R.L.

502 261 161

Sousel

1993

 

OLIVILABOIMCOOP - Cooperativa Agrícola dos Olivicultores de Vila Boim, C.R.L.

501 228 438

Elvas

1981

 

SERRALEITE - Cooperativa Agrícola dos Produtores de Leite de Portalegre, C.R.L.

500 836 663

Portalegre

1978

 

Terras Agroindustriais, C.R.L.

502 162 287

Campo Maior

1988

 

Trabalho e Progresso - Cooperativa de Produção Agrícola do Concelho de Arronches, C.R.L.

500 597 057

Arronches

2000

 

Adega Cooperativa de Borba, C.R.L.

500 008 337

Borba

1955

Évora

Adega Cooperativa de Redondo, C.R.L.

500 605 927

Redondo

1956

 

Caminhos do Futuro - Cooperativa de Comercialização e Transformação de Produtos Agro - Pecuários de Montemor - o - Novo C.R.L

500 881 995

Montemor-o-Novo

1979

 

CARMIM - Cooperativa Agrícola de Reguengos de Monsaraz, C.R.L.

500 912 629

Reguengos de Monsaraz

1971

 

CDAPEC - Centro de Desenvolvimento Agropecuário de Évora, Ciprl

503 812 773

Évora

1997

 

COOLMA - Cooperativa Oleícola de Machede, C.R.L.

500 637 997

Évora

1983

 

COOPAR - Cooperativa Agrícola de Compra e Venda do Concelho de Arraiolos, C.R.L.

501 133 941

Arraiolos

1976

 

Cooperativa Agrícola a Fomentadora Mouranense C.R.L.

500 763 496

Mourão

1978

 

Cooperativa Agrícola da Granja, C.R.L.

500 075 271

Mourão

1952

 

Cooperativa Agrícola da Senhora da Boa Nova C.R.L.

502 556 048

Alandroal

2000

 

Cooperativa Agrícola de Montoito

500 074 500

Redondo

1962

 

Cooperativa Agrícola de Mora, C.R.L.

500 335 680

Mora

1940

 

Cooperativa Agrícola de Portel

501 068 406

Portel

1965

 

Cooperativa Agrícola de Santiago Maior

501 104 330

Alandroal

2000

 

Cooperativa Agrícola de Vendas Novas

500 075 565

Vendas Novas

1971

 

Cooperativa Agrícola do Alandroal, C.R.L.

500 074 674

Alandroal

1964

 

Cooperativa Agrícola do Cabido e Anexas C.R.L.

501 110 518

Arraiolos

1977

 

Cooperativa Agrícola do Concelho de Estremoz, C.R.L.

501 065 903

Estremoz

1976

 

Cooperativa Agrícola dos Olivicultores de Estremoz, C.R.L.

501 073 124

Estremoz

1987

 

Cooperativa Agrícola Poder Popular C.R.L.

500 678 634

Montemor-o-Novo

1975

 

Cooperativa Agropecuária do Ciborro, C.R.L.

500 638 357

Montemor-o-Novo

1975

 

Cooperativa de Olivicultores de Borba, C.R.L.

501 056 327

Borba

1951

 

Cooperativa de Produção Agrícola Monte Velho e Anexas do Vimieiro C.R.L.

500 627 657

Arraiolos

1976

 

Cooperativa de Regantes de Lavre, C.R.L.

502 377 968

Montemor-o-Novo

1989

 

COPRAPEC - Cooperativa Agrícola Compra e Venda de Montemor-o-Novo, C.R.L.

500 075 417

Montemor-o-Novo

1954

 

Gramachacoop - Cooperativa de Produção Agrícola Número um de Nossa Senhora de Machede C.R.L.

500 645 949

Évora

1977

 

REDAGRO - Cooperativa Agrícola de Redondo, C.R.L.

501 091 157

Redondo

1978

 

UCUCA - Unidade de Comercialização das Ucp's e Cooperativas Agrícolas C.R.L.

500 827 389

Évora

1979

 

Unidade Coletiva de Produção Agrícola Boa Esperança de Lavre C.R.L.

500 664 277

Montemor-o-Novo

1975

 

Adega Cooperativa da Vidigueira, Cuba e Alvito, C.R.L.

500 008 191

Vidigueira

1969

Beja

Cadoma - Cooperativa Agrícola do Monte Alto C.R.L.

504 343 190

Odemira

1999

 

Caprisudoeste - Cooperativa Produtores Leite do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina

507 027 132

Odemira

2004

 

COFRAL - Cooperativa de Fruticultores do Alentejo, C.R.L.

503 305 286

Beja

1994

 

Cooperativa Agrícola Barro e Xisto de Aljustrel

504 881 027

Aljustrel

2001

 

Cooperativa Agrícola da Vidigueira, C.R.L.

500 999 031

Vidigueira

1958

 

Cooperativa Agrícola de Beja e Brinches, C.R.L.

508 350 662

Beja

2008

 

Cooperativa Agrícola de Beringel, C.R.L.

500 075 131

Beja

1963

 

Cooperativa Agrícola de Moura e Barrancos, C.R.L.

500 075 379

Moura

1959

 

Cooperativa Agrícola do Guadiana, C.R.L.

500 075 280

Mértola

1969

 

COOPROXO - Cooperativa Agrícola do Roxo, C.R.L.

504 349 783

Aljustrel

1999

 

COOPSIL - Cooperativa de Secagem Armazenagem e Comercialização de Cereais C.R.L.

502 631 244

Odemira

1991

 

COVITO - Cooperativa Agrícola do Alvito, C.R.L.

501 326 391

Beja

2000

 

SILTOM - Comércio de Tomate em Natureza, C.R.L.

503 841 870

Aljustrel

1997

 

UCAAI - União de Cooperativas Agrícolas do Alentejo Interior, U.C.R.L.

503 952 699

Portel

1997

 

UCASUL - União de Cooperativas Agrícolas, U.C.R.L.

502 784 989

Beja

1992

Setúbal

Agro - Santiago - Cooperativa Agrícola do Concelho de Santiago do Cacém C.R.L

501 084 401

Santiago do Cacém

1978

Alensado - Cooperativa Agrícola do Sado C.R.L.

503 855 251

Santiago do Cacém

1997

 

Cooperativa Agrícola dos Olivicultores de Torrão C.R.L.

500 075 409

Alcácer do Sal

1966

 

Grandolacoop - Cooperativa Agrícola de Comercialização de Consumo e de Serviços C.R.L.

501 236 104

Grândola

1939